domingo, 3 de setembro de 2017

O mergulho apostólico


Mergulhar totalmente nas águas do Espírito de Deus e fazer a obra de Deus com toda a intensidade, este é o objetivo que um servo verdadeiro do Senhor deve buscar. O Mergulho Apostólico foi tema da ministração do Apóstolo Estevam Hernandes neste sábado, 2 de setembro, durante a Ceia de Oficiais realizada no Renascer Arena, em São Paulo.

“Deus deu uma visão profunda ao profeta Ezequiel, algo que precisamos entender à luz da revelação. O Senhor mostra ao profeta os níveis espirituais das águas que saem do lado direito do trono, que representam níveis espirituais de relacionamento com Deus. Jesus é a água viva que tem o poder da ressureição e que está à direita de Deus (Marcos 16.19)”, afirmou. 

Ele leu o texto que está em Ezequiel 47.1-12 e falou dos níveis de profundidade das águas, que são uma realidade da vida espiritual dos servos de Deus na terra, pois significam justamente nosso nível de profundidade no relacionamento com Cristo.

Veja a seguir os principais trechos desta ministração:

Quais são esses níveis espirituais?


1º) Nível dos artelhos: este é o nível mais baixo de relacionamento espiritual. É quando estamos apenas vivendo uma simpatia com Cristo, mas ainda pertencemos ao mundo. O rei Asa, por exemplo, morreu enfermo dos pés porque confiou nos médicos e não em Deus (2ª Crônicas 16.12). Asa fez aliança com o rei da Síria e não tinha profundidade para se relacionar com Deus. As águas estavam no nível do seu pé e por isso ele morreu sem ter mergulhado firmemente no seu relacionamento com Deus.

2º) Nível de mil côvados: as águas que chegavam ao nível do joelho, nível de relacionamento com Deus que permite apenas caminhar por um tempo, mas que nos deixa paralisados (Hebreus 12.12-13). É o que aconteceu com Mefibosete, que tinha linhagem real, mas vivia como mendigo (2ª Samuel 4.4). Muitos estão andando por aí trôpegos como Mefibosete, vivendo uma miséria espiritual. São verdadeiros mendigos da fé. Hoje muitos estão com as águas nos joelhos, as têm tudo para viver como um herdeiro real, falta apenas a profundidade que os impede de caminhar dentro do plano e chamado de Deus. Não viva uma vida espiritual de miséria, Deus tem mais para você! Os dias são maus e só quem tem motivação verdadeira em Cristo encontra sentido para viver.

3º) Nível de dos lombos ou cintura: são as pessoas que servem a Deus pela metade, não mergulham verdadeiramente na sua vida espiritual. São pessoas divididas espiritualmente (1ª Samuel 2.28-31). Vemos neste texto que Eli era um sacerdote escolhido Deus, ele tinha um lugar especial, mas começou a servir a Deus pela metade. Ele ficou dividido entre Deus e seus filhos (Mateus 15.8). Ele permitiu a corrupção e a sujeira na casa de Deus. Mexa-se enquanto Deus está te dando oportunidades, não sirva ao Senhor pela metade! A casa dividida não prospera! Precisamos de uma igreja mais integral, mergulhada no poder de Deus! Não sirva a Deus pela metade, se entregue ao Senhor integralmente!

4º) Nível águas que se tornam um rio: é o nível de onde emergem os eleitos, águas que simbolizam a profundidade do nosso mergulho em Cristo. Águas que crescem e que se tornam um rio são águas que não se pode passar a pé, mas só mergulhando. Esse é o nível do mergulho apostólico. Quando estamos totalmente mergulhados em Cristo, quando estamos nesse nível passamos a ser uma fonte transbordante a jorrar vida eterna (João 4.14). No nosso interior começa a fluir um rio, que é o Senhor de Jesus! São águas curadoras, que entram no mar Morto e saem saudáveis. Existem muitas áreas mortas nas nossas vidas que precisam dessas águas! As águas que saem do trono começam a ser mover e entram as regiões mais áridas possíveis. O Senhor quer quebrar a esterilidade de todas as áreas da sua vida! Muitos estão mortos espiritualmente por falta de relacionamento com Deus, mas deixe as águas te curarem. Essas águas vão quebrar a esterilidade e fazem nascer árvores em abundância nas nossas vidas! Mergulhe no seu chamado, peça para viver um novo tempo na sua vida espiritual! A Igreja tem vivido num ambiente carnal, mas quando entende isso passa a viver um ambiente espiritual de eternidade.

O mergulho apostólico nos leva a viver uma vida profunda com Deus, algo que Ezequiel viu em sua visão e que João viu espiritualmente em Apocalipse (Apocalipse 22.1-2). Jesus é o rio de águas cristalinas que tem em suas margens a cura e o alimento apostólico por 12 meses e que serve de cura para os povos. Mergulhar nessas águas cristalinas é viver na dimensão da nova Jerusalém e estar alimentado pelo fruto das águas puras que fazem nascer.


Ezequiel viu árvores que nasceram nas margens dos rios, árvores que dão frutos todos os meses e trazem cura. É tempo da Igreja receber essa cura que vem dos frutos que estão na árvore da vida, frutos de libertação! Somos como árvores plantadas junto ao ribeiro de águas, como está em Salmos 1. E o que são esses frutos? São os mistérios de Deus revelados por Cristo.

Chega de servir a Deus pela metade! Mergulhe nessas águas espirituais e comece a viver esse nível de profundidade na sua vida!


Cláudia Pires, redação igospel

Fotos: Karin Marcitello e Bruno Bros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.