segunda-feira, 6 de novembro de 2017

A cura de Ana

A cura de Ana foi o tema da palavra da Ceia de Oficiais do mês de novembro, ministrada neste sábado (04) pelo apóstolo Estevam Hernandes na Renascer Arena, em São Paulo. Ele leu o texto bíblico que está em 1 Samuel 1.1 a 18.


“Não sabemos exatamente quantos anos Ana foi humilhada por Penina, mas podemos calcular uns 25 anos de dor e sofrimento, porque Penina tinha filhos. A esterilidade de Ana foi permitida por Deus. Havia um propósito superior, mas ela não entendia! Ela sofria com as humilhações e as provocações. Durante anos, ela carregou dentro de si uma dor que a deixava em vergonha”, afirmou ele.

“Precisamos ter consciência de que Deus não criou o homem enfermo. O homem original não tinha enfermidades, porque sua carne era pura. O plano original de Deus para o homem é que ele fosse saudável em seu corpo, alma e espírito”, conscientizou.

“No livro de Gênesis, nós vemos exemplos de homens que ultrapassaram barreiras inimagináveis. Matusalém viveu 969 anos, Adão viveu 930, Sete viveu 912 e Enoque viveu 910. Eles tiveram uma longevidade jamais sonhada por nós. Isso porque as enfermidades eram raras”, explicou.

“Apesar dos avanços tecnológicos, temos visto o homem se deteriorando. O pecado tem deteriorado os seres humanos e os tem tornado exatamente como Satanás planejou: vulneráveis e enfermos. A expectativa de vida dos homens, comparada aos tempos bíblicos, é muito inferior”, destacou.

“Um dos objetivos de Satanás é tornar o corpo de Cristo enfermo para que ele não avance”, acrescentou.


Acompanhe, abaixo, os principais trechos da ministração:

Na Bíblia, existem exemplos de homens que foram roubados, porque eram enfermos. Veja a seguir:
  
1- Rei Herodes (Atos 12.19 a 23)

Herodes ficou enfermo pelo poder. Ele, por ser rei de toda a Judeia, achou que era autossuficiente a ponto de não glorificar a Deus! O seu fim foi desastroso: foi devorado por vermes!

Nunca podemos nos esquecer de que Deus não divide a glória d’Ele com ninguém!

2- Rei Nabucodonosor (Daniel 4.16 a 37)

É um outro exemplo de arrogância e jactância, pois chegou ao ponto de usurpar a glória de Deus! Ficou enfermo em sua alma. A fama foi a sua destruição. Ele precisou ir para o fundo do poço, para um estado de extrema miséria, para reconhecer a grandiosidade do Senhor. Depois de ter aberto o seu coração para ser curado, teve seu reinado restituído.

3- Rei Asa (2 Crônicas 16.12 e 13)

Asa foi um grande rei, era um homem temente a Deus. Mas, em um determinado momento, deixou-se dominar pelo medo e fez uma aliança com o rei da Síria.

Após ter abandonado seu relacionamento com o Senhor, ficou seriamente enfermo dos pés.

Aquela doença era uma somatização de tudo o que havia em seu espírito. Mas, em vez de buscar a Deus, para ser completamente curado e liberto, preferiu confiar nos médicos.

Asa transgrediu de tal forma, que ser tornou um rei opressor. O seu fim também foi desastroso!

Uma Igreja sarada em Jesus Cristo!

Deus não nos criou para sermos enfermos. Infelizmente, a geração de Adão gerou homens e mulheres enfermos! A enfermidade foi introduzida por Satanás, no Éden. Mas, na passagem bíblica de Isaías 53.1 a 12, está um grande mistério revelado: Jesus levou as enfermidades sobre Si para tirá-las de nosso espírito (1 Pedro 2.24).

O sacrifício de Jesus Cristo ocorreu para que as gerações advindas d’Ele fossem saradas no espírito. É por isso que o homem exterior se corrompe, mas o interior se renova. Em Cristo, somos uma igreja sarada (2 Coríntios 4.16 e Atos 10.38)!

A cura de Ana

Ana chegou enferma à presença do profeta Eli. Sua esterilidade era o motivo do seu desespero. Porém, ela encontrou o caminho da cura: consagrar o filho que ela tanto pediu para que uma geração fosse curada.

Ela foi curada poderosamente pelo poder da Palavra, que é o verbo de Deus (João 1.1). Um poder, que está em Cristo, entrou em seu espírito e liberou o seu corpo carnal e a livrou da esterilidade. O segredo de uma vida abundante está na cura espiritual.

Ana foi curada no espírito, e o seu físico reagiu, quebrando a esterilidade de maneira sobrenatural. Ana gerou sete filhos!

Satanás não vai nos tornar uma nação enferma! Seremos e viveremos curados em Cristo.
  
A exemplo de Ana, seremos curados:


1- Na alma (3 João 1.3 e 2 Coríntios 2.14 a 16)

2- No corpo (João 11.4 e Atos 10.38)

3- No espírito (1 Tessalonicenses 5.23, João 4.23 e 24, Ezequiel 11.19 e 20 e Romanos 8.10)

- Pelo novo nascimento;

- Pelo batismo no Espírito Santo;

- Com o desenvolvimento do chamado;

- Com o exercício dos dons;

- Com uma relação espiritual e profunda com Deus.


Redação iGospel

Fotos: Karin Marcitello e Sarah Brito

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.