terça-feira, 13 de março de 2018

A cura de Ezequias



2 Reis 20.1 a 11: “Naqueles dias, Ezequias adoeceu de uma enfermidade mortal; veio ter com ele o profeta Isaías, filho de Amoz, e lhe disse: Assim diz o SENHOR: Põe em ordem a tua casa, porque morrerás e não viverás. Então, virou Ezequias o rosto para a parede e orou ao SENHOR, dizendo: Lembra-te, SENHOR, peço-te, de que andei diante de ti com fidelidade, com inteireza de coração, e fiz o que era reto aos teus olhos; e chorou muitíssimo.

 Antes que Isaías tivesse saído da parte central da cidade, veio a ele a palavra do SENHOR, dizendo: Volta e dize a Ezequias, príncipe do meu povo: Assim diz o SENHOR, o Deus de Davi, teu pai: Ouvi a tua oração e vi as tuas lágrimas; eis que eu te curarei; ao terceiro dia, subirás à Casa do SENHOR. Acrescentarei aos teus dias quinze anos e das mãos do rei da Assíria te livrarei, a ti e a esta cidade; e defenderei esta cidade por amor de mim e por amor de Davi, meu servo.

Disse mais Isaías: Tomai uma pasta de figos; tomaram-na e a puseram sobre a úlcera; e ele recuperou a saúde. Ezequias disse a Isaías: Qual será o sinal de que o SENHOR me curará e de que, ao terceiro dia, subirei à Casa do SENHOR? Respondeu Isaías: Ser-te-á isto da parte do SENHOR como sinal de que ele cumprirá a palavra que disse: Adiantar-se-á a sombra dez graus ou os retrocederá? Então, disse Ezequias: É fácil que a sombra adiante dez graus; tal, porém, não aconteça; antes, retroceda dez graus. Então, o profeta Isaías clamou ao SENHOR; e fez retroceder dez graus a sombra lançada pelo sol declinante no relógio de Acaz.”

Quando assumiu o trono, Ezequias estabeleceu um tempo de limpeza, reabriu as portas do templo e seguiu os passos de seu pai espiritual, Davi. Mas, com o passar do tempo, ficou dominado por um sentimento de arrogância e acabou se perdendo.

Tragicamente, Ezequias foi acometido por uma enfermidade mortal e, humanamente, incurável nos pés.

Muitas enfermidades em nossa alma – que matam relacionamentos, ministérios, sonhos e motivações – são originadas de feridas não curadas que adquirimos ao longo de nossa caminhada!

Precisamos ter consciência de que existe, sim, um caminho de libertação, e esse caminho é Jesus Cristo.  

Isaías 53.4: “Certamente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus e oprimido.”

Salmo 107.20: “Enviou-lhes a sua palavra, e os sarou,e os livrou do que lhes era mortal.”

Em seu momento de aflição, Ezequias procurou o profeta Isaías, que abriu seus olhos e mostrou que, para ele ser curado em todas as áreas, era necessário:

1º Colocar a casa em ordem

Lucas 14.28: “Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não se assenta primeiro para calcular a despesa e verificar se tem os meios para a concluir?”

Precisamos restabelecer nossas prioridades. Mostre, por meio de suas palavras e atitudes, o Deus que você acredita! Quando mudamos, tudo muda! A nossa disposição move o mundo espiritual!

Mateus 6.33: “...buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.”

2- Abrir o coração e fazer uma oração sincera

Não existe cura sem quebrantamento.

Salmos 51.17: “Sacrifícios agradáveis a Deus são o espírito quebrantado; coração arrependido e contrito, não o desprezarás, ó Deus.”

3- Ter consciência de que o único antídoto que quebra a sentença de morte é a ressurreição

Na cruz, Jesus levou sobre Si todas as nossas enfermidades e, ao terceiro dia, ressuscitou. Essa vitória sobre a morte o Senhor conquistou para nós.

1 Coríntios 15.55: “Onde está, ó morte, a tua vitória? Onde está, ó morte, o teu aguilhão?”

Nós servimos o Cristo do túmulo vazio.

João 3.14 e 15: “E do modo por que Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do Homem seja levantado, para que todo o que nele crê tenha a vida eterna.”

O poder de ressurreição também esteva no profeta Isaías, que liberou uma palavra profética sobre Ezequias. Depois daquele clamor, o Senhor deu um sinal do seu favor.

Salmo 86.17: “Mostra-me um sinal do teu favor, para que o vejam e se envergonhem os que me aborrecem; pois tu, SENHOR, me ajudas e me consolas.”

Em três dias, Ezequias foi completamente curado e foi enviado para viver os melhores anos de sua vida, mostrando que, para Deus, não existem situações irreversíveis!

Levante-se debaixo desta palavra e creia! É tempo de ressurreição!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.