segunda-feira, 30 de abril de 2018

4 características que tornaram Josué um líder conquistador


Liderar consiste em conduzir pessoas a alcançar, com bom êxito, os resultados planejados. Quem possui esta habilidade, com certeza, tem grandes chances de se destacar nos contextos pessoal e profissional.

Pesquisas mostram que esta capacidade pode ser tanto um dom natural quanto uma competência, que pode ser desenvolvida ao longo da vida.

Existem vários tipos de teorias e de modelos de liderança. De acordo com os pesquisadores, os desafios mais comuns de um líder são:

1. Lidar com pessoas difíceis


Sempre existirão pessoas na sua equipe ou empresa que vão dificultar o seu trabalho. É preciso aprender a lidar com elas e, ao mesmo tempo, adquirir habilidades comunicativas para informar o problema sem causar novos dilemas.

2. Lidar com a pressão


Quando você assume uma posição de liderança, a pressão se torna cada vez maior. A habilidade de aceitar e se livrar de um pouco dessa pressão é o segredo para não se sentir sobrecarregado.

3. Ser transmissor de más notícias


As pessoas da sua equipe vão esperar que as notícias ruins venham de você, e não de terceiros. Você deve ser capaz de dar essas notícias sem drama e de forma clara para conseguir fazer sua equipe manter a motivação.

4. Ser respeitado


Esse é um grande desafio para todos os líderes. Afinal, como ser respeitado sem fazer com que a sua equipe se sinta intimidada? É preciso criar uma atmosfera de confiança e transparência para que os funcionários que trabalham com você se sintam incentivados a seguir sua liderança.

Na contramão do mundo!

Em uma de suas palestras, Apóstolo Estevam Hernandes abordou os conflitos internos e externos enfrentados por Josué, quando ele descobriu que daria sequência à liderança de Moisés. Confira, a seguir, a ministração:

Josué 1.1 a 7: “Sucedeu, depois da morte de Moisés, servo do SENHOR, que este falou a Josué, filho de Num, servidor de Moisés, dizendo: Moisés, meu servo, é morto; dispõe-te, agora, passa este Jordão, tu e todo este povo, à terra que eu dou aos filhos de Israel. Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu prometi a Moisés. Desde o deserto e o Líbano até ao grande rio, o rio Eufrates, toda a terra dos heteus e até ao mar Grande para o poente do sol será o vosso limite.

Ninguém te poderá resistir todos os dias da tua vida; como fui com Moisés, assim serei contigo; não te deixarei, nem te desampararei. Sê forte e corajoso, porque tu farás este povo herdar a terra que, sob juramento, prometi dar a seus pais. Tão-somente sê forte e mui corajoso para teres o cuidado de fazer segundo toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda, para que sejas bem-sucedido por onde quer que andares.”


Esta é a palavra do Senhor direcionada a Josué. Ele estava em um momento de transição e, ainda por cima, teria que enfrentar situações difíceis sem o seu maior apoio, que era Moisés.

Moisés foi um grande e respeitado líder, mas passou por uma série de situações desgastantes, que o deixaram sem condições de continuar naquela jornada rumo à terra prometida. Ele, então, morre, mas deixa Josué como sucessor.

Josué, diante daquele novo desafio, enfrenta um conflito interior e entra na “fase da insegurança”. Nós, muitas vezes, somos roubados porque ficamos nesta fase. Na “zona da insegurança”, deixamos de acreditar no nosso potencial, deixamos de acreditar que Deus nos enviou, e deixamos de acreditar que haverá bom futuro.

Talvez, ao olhar esta provação, você pense: “Eu não estou preparado!”. Isso ocorre quando você coloca suas deformações no lugar da bênção. Enxergue, com os olhos da fé, e caminhe de acordo com o direcionamento do Senhor.

Deus havia corrigido a rota de Josué, assim como está fazendo conosco. Confie porque, se Ele te chamou, é Ele quem vai te capacitar.

Josué precisava vencer seus medos para superar aquela crise! As opções que ele tinha eram: vencer ou morrer no deserto! Era um momento de extrema pressão, porque o povo estava desorientado. Mas Deus, em todo o tempo, estava com ele.

Hoje, eu quero destacar quatro marcas que Josué adquiriu para superar aquele deserto:

1ª) Força


2ª) Coragem


3ª) Estrutura


4ª) Equilíbrio


Essas características vão determinar a sua vitória neste momento estratégico e de extrema pressão.

Se você der espaço ao medo, ele vai te paralisar, porque o medo produz tormento.

Se você der espaço à fraqueza, ela te levará à falência.

Seja forte e tenha coragem, porque o Senhor não te deu espírito de covardia, mas de ousadia!

Através das suas atitudes, o Senhor prosperará os seus caminhos.

É tempo de avançar!

Dê um upgrade na sua carreira

Todas as segundas-feiras, a partir das 20 horas, a Igreja Renascer realiza as reuniões da AREPE (Associação de Renascer de Empresários e Profissionais Evangélicos).

O culto é direcionado para empresários, profissionais liberais e para pessoas que precisam de restauração e um direcionamento na área profissional.

No Renascer Hall, sede internacional da Renascer em Cristo, em São Paulo, as palestras são ministradas pelo Apóstolo Estevam Hernandes.



Redação iGospel

sexta-feira, 27 de abril de 2018

Por que o apóstolo Paulo nunca desistiu?


2 Coríntios 4.16 a 18: “Por isso, não desanimamos; pelo contrário, mesmo que o nosso homem exterior se corrompa, contudo, o nosso homem interior se renova de dia em dia. Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós eterno peso de glória, acima de toda comparação, não atentando nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas.”

O que o apóstolo Paulo descreve nesta passagem não é fruto de uma teoria, mas de experiências pessoais, verdadeiras e profundas. Ele enfrentou situações de abandono, solidão, perseguição e de enfermidades. Mas, mesmo assim, manteve sua fé inabalável.  

Nesta passagem, especificamente, ele nos mostra: 

Em primeiro lugar: O motivo de ele nunca ter desanimado 

Paulo não era um super-homem. Ele era uma pessoa comum. Mas ele sabia que, mesmo sofrendo na carne, o seu homem interior se renovava todos os dias, no Senhor. Ele tinha a chama da esperança viva dentro de si.  

A exemplo dele, não desanime. Não entregue os pontos! Não fique limitado às previsões humanas, porque a última palavra é sempre do Senhor, nosso Deus.  

O Senhor disse para Josué 1 algo que devemos transferir para a nós: “Sê forte e corajoso; não temas, nem te espantes, porque o Senhor, teu Deus, é contigo por onde quer que andares!”

Sabe, uma das coisas que eu sempre paro para pensar é que Deus, em Juízes 6, não chamou Gideão pelas deformações que ele tinha, mas o chamou de acordo com a constituição que Ele havia dado a ele. Gideão estava acabado, destruído e com muito medo. Mas o Senhor disse:  “Homem valente, Eu sou contigo!”.  

Independente do que você esteja passando, no Senhor, você é valente, e Ele é contigo! 

Sabe por que eu nunca desanimo? Porque eu estou firmado em um Deus poderoso. Eu sei que Ele pode todas as coisas. Dentro de mim, há o poder da vida, e vida abundante. Eu estou firmado na Palavra do Senhor.  

Em segundo lugar, que nós precisamos entender e confiar no ciclo de Deus 

Paulo fala que a nossa leve e momentânea tribulação produz um grande peso de glória! 

Como tonar as nossas tribulações leves? Lançando nossa ansiedade sobre Jesus.  

1 Pedro 5.7: “Lançando sobre Ele toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós.”
Se você acumular o peso destas situações que têm te afligido, você não vai suportar, mas, se você lançá-lo sobre Jesus Cristo e tomar o jugo d’Ele, que é suave, e o fardo d’Ele, que é leve, então, você, com certeza, sairá destas lutas vitorioso!  Outro detalhe importante: a tribulação é momentânea! Ela está acontecendo agora, mas não acontecerá para sempre! Tem dia e hora para acabar!  

Em terceiro lugar, que nós devemos olhar para o lugar certo! 

Você está olhando para quem e para onde? Para seu vizinho que te humilha? Para as pessoas que te traíram? Para aquele chefe que foi injusto com você? Então, você está olhando para o que é temporário! Toda a criação de Deus é temporária! Mas as coisas que não se veem são eternas.  

Começa a focar no que é eterno, como, por exemplo, sua salvação! Você é eleito, ungido e tem, pela frente, a eternidade com Cristo.  

Você não é uma alma vivente, que veio, vai morrer e vai reencarnar para sofrer de novo!  

Hebreus 9.27: “E, assim como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto, o juízo...”.

Comece a focar na sua vida espiritual, comece a olhar para os valores da Palavra!  

Não desista da sua família, não desista do seu casamento, não desista do seu ministério e não desista dos seus sonhos! Ande de cabeça erguida, porque o Senhor já te deu condições para avançar. Ele abrirá caminhos. 

quinta-feira, 26 de abril de 2018

Conselho do Apóstolo: Meu marido ama outra mulher!



Todos os dias, o Apóstolo Estevam Hernandes leva uma palavra esclarecedora aos ouvintes e telespectadores durante o “Renascer”, seu programa matinal na Rede Gospel de TV e de Rádio.

Confira, a seguir, os conselhos que ele deixou para a Katia, que está enfrentando uma séria crise em seu casamento.

Dúvida: Sou casada há dez anos, amo meu marido. Mas estamos separados. Ele disse que não me ama mais, que o nosso relacionamento está desgastado e que ele está apaixonado por outra mulher.  Faz três meses que eles moram juntos. Me recuso a assinar o divórcio, porque ainda acredito que Deus pode restaurar o meu casamento. Estou completamente desestabilizada e sem saber como agir.

Conselho: Diante de uma situação dessas, nós não podemos nos entregar ao desespero, mas colocar nossas vidas nas mãos do Senhor.

Salmos 37.5: “Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele o fará.”

Com sabedoria, diga ao seu marido que você precisa de um tempo para orar.

Estipule um tempo diante de Deus, ore e jejue, porque a melhor forma de vencermos nossas guerras é lutando no ambiente espiritual.

Ore para que o Senhor o liberte, para que ele enxergue a destruição que ele está trazendo para a família e para que Deus dê graça para que ele faça a escolha certa.

Peça para seu marido mais três meses. Neste período, derrame-se na presença do Senhor.  
Não faça ameaças, aja com sabedoria, porque a palavra branda desvia o furor (Provérbios 15.1). Mantenha-se íntegra na presença do Senhor.

Eu creio que Deus pode libertá-lo deste laço e restaurar este relacionamento!

Se, neste tempo, ele realmente se quebrantar e se corrigir, vocês retomam o casamento. Mas, se após este período, ele não se consertar, você coloca um ponto final nesta história, na certeza de que você fez tudo o que estava ao seu alcance para salvar o seu casamento.

Independente do que aconteça, creia que você viverá a glória da segunda casa! A sua vida não está nas mãos de homens, mas nas mãos do Senhor. E Ele nunca te desamparará.

No final desta tempestade, você não verá a destruição, mas o brilho do Sol.

Clique aqui e acompanhe o conselho na íntegra!

terça-feira, 24 de abril de 2018

Como vencer a ansiedade?

 

Mateus 6.25 a 34: “Por isso, vos digo: não andeis ansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer ou beber; nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo, mais do que as vestes? 

Observai as aves do céu: não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros; contudo, vosso Pai celeste as sustenta. Porventura, não valeis vós muito mais do que as aves? Qual de vós, por ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado ao curso da sua vida? E por que andais ansiosos quanto ao vestuário? Considerai como crescem os lírios do campo: eles não trabalham, nem fiam.

Eu, contudo, vos afirmo que nem Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles. Ora, se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, quanto mais a vós outros, homens de pequena fé? Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que comeremos? Que beberemos? Ou: Com que nos vestiremos?

Porque os gentios é que procuram todas estas coisas; pois vosso Pai celeste sabe que necessitais de todas elas; buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal.”

Com certeza, esta palavra se encaixa na nossa realidade. A ansiedade é um dos males do século 21. Nunca se viu tanto desespero e tanta preocupação. Nunca se viu tantas pessoas perdendo as estribeiras, como hoje!

Depois de ter passado diversos preceitos e depois de ter ministrado no Monte das Bem-Aventuranças, Jesus questiona os seus seguidores: “Por que andeis ansiosos? Por que esta inquietação em relação ao futuro?”.  

Realmente, a ansiedade –  que é um grande sinal de incredulidade –  tem deixado muitas pessoas doentes, perturbadas e descontroladas. Elas perdem o sono, o apetite, as motivações e a alegria de viver.

Nesta passagem, depois de questionar seus discípulos, Jesus Cristo fala:

Em primeiro lugar, será que vale a pena viver ansioso? Será que a sua ansiedade pode transformar a sua realidade?

Claro que não! Ele ainda afirmou: “Qual de vós, por ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado ao curso da sua vida?”.

O que você precisa fazer? Renovar os seus pensamentos! Pensar no poder imensurável e incomparável do nosso Deus.

“Apóstolo, o Senhor não entende! Eu estou com uma dívida no banco, e não tenho como pagá-la!”... “Eu estou desesperado. O mês acabou, e eu não consegui cumprir com minhas obrigações. Será que Deus não se importa?”...

É claro que sim. Ele entende suas necessidades, mas o seu interior precisa estar renovado. A ansiedade nos impede de raciocinar, de buscar soluções.

Então, pare, respire fundo, ajoelhe-se e ore!

1 Pedro 5.6 e 7: Sendo assim, humilhai-vos sob a poderosa mão de Deus, para que Ele vos exalte no tempo certo, lançando sobre Ele toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós!”

Depois disso, você vai correr atrás das pessoas responsáveis. Explique que você é honesto, íntegro, sério e que está passando por um momento de dificuldade. 

Não deixe que este problema te mate e te afaste de Deus. Não deixe que esta adversidade determine quem você é. Você não é esta luta!

Romanos 8.37: “Mas, em todas estas coisas somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou.”

Em segundo lugar, Jesus faz o comparativo entre o cuidado que Deus tem com a natureza e o zelo que Ele tem por nós

A dignidade vem do Senhor. Você tem dependido de quem? Dos seus amigos? Dos seus pais? Do seu coordenador? Aprenda a depender do Senhor!

Se ele cuida tão bem da natureza, Ele cuidará muito mais de você, que é filho amado. Ele vai te vestir de amor, de paz, de alegria...

Salmos 46.10: “Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus...”

Em terceiro lugar, Jesus deixa um grande segredo espiritual: “Busque, primeiramente, o reino de Deus e sua justiça, e todas estas coisas lhe serão acrescentadas.”

Confie no Senhor, e você verá tudo se encaixando.

O nosso erro é inverter as prioridades. Nós priorizamos nossos interesses, damos ouvido a todas as pessoas e, simplesmente, ignoramos a Palavra de Deus, ou seja, desprezamos a verdade que liberta! 

Coloque suas prioridades em ordem. Busque, em primeiro lugar a vontade de Deus e confie! Ela é boa, perfeita e agradável.

Em quarto lugar, Ele afirma: “Não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal.”.

O que te atingiu ontem não vai te atingir hoje. E sobre amanha? O amanhã trará os seus próprios cuidados. Deus está no controle! Quando você confia n’Ele, nada te abala!

segunda-feira, 23 de abril de 2018

Dicas para decolar profissionalmente em momentos de crise!

O cenário atual do mercado de trabalho é ameaçador e amedrontador. No Brasil, Atualmente, existem mais de 13 milhões de profissionais desempregados.

Para sobreviver à crise e se destacar profissionalmente, a Gerente de Compliance da Microsoft, Juliana Nogueira, deu as seguintes dicas:

Seja amigo:


Você pode ser um bom profissional, mas se não se der bem com seu chefe, pode acabar gerando um conflito na equipe. Manter um bom relacionamento com ele é essencial. Seja prestativo e esteja sempre disposto.

Seja responsável:


Honre todos os seus compromissos. Antes de assumir algum, verifique se você terá condições de cumpri-lo.

Nada de fofoca!


Afaste-se das fofocas, não só no trabalho, mas em todas as áreas de sua vida, pois isso não acrescenta em nada e ainda é visto com maus olhos. Seja sempre discreto e confiável. 

Seja notável:


Faça seu trabalho bem feito, ajude seus colegas, mostre interesse em aprender novas tarefas, seja útil, disposto e participativo.

Fale menos:


Sabemos que em um momento de tensão, tendemos a falar e fazer algo que podemos nos arrepender depois, então, em uma discussão, fale apenas o necessário. Não discuta quando estiver de cabeça quente.

Já para os desempregados, ela aconselha:

Currículo objetivo:


Cuidado ao mandar currículos ou cartas de apresentações com informações que não vão agregar em nada, ou seja, que não explicam exatamente o que você quer ou o que sabe fazer.

Pesquisa:



Antes sair à procura de outro emprego que vai te deixar infeliz, procure e pense bem. A maioria das pessoas acha que mudar de emprego vai acabar com seus problemas, mas não é bem assim. Pesquise sobre a empresa que você fará a entrevista, através de sites e rede sociais. Isso vai te ajudar a não ter desagradáveis surpresas.

Interação:


Interaja com o entrevistador. Muitos profissionais acham que é só chegar e responder as perguntas, mas não é bem assim. Você precisa mostrar que se importa com o processo num todo. Além de você sair de lá sem duvida, também será levado a serio.

Disponibilidade:


Quando você envia um currículo, acredita-se que você esteja disponível para entrevistas. Deixe o celular sempre ligado e por perto e fique atento aos e-mails. Lembre-se: falta de disponibilidade é falta de interesse.

Clareza:


Deixe bem claro para o recrutador se você terá algum imprevisto, como uma viagem, por exemplo, ou se você precisará se desligar do seu antigo trabalho para começar um novo. Isso transmite credibilidade. Deixar para avisar na última hora é sinal de descaso.

Poupar:


Faça uma poupança para ser usada caso você seja mandado embora. É muito importante ter dinheiro guardado para ter segurança e tranquilidade, quando tiver que procurar um novo emprego.

Na contramão do mundo!

Como lidar com este momento de crise e incertezas? Apóstolo Estevam acredita que, além das habilidades profissionais, ter fé nos livramentos do Senhor é essencial para que não andemos subjugados pelas más notícias. Ele abordou este tema em uma de suas palestras e usou como base a passagem bíblica de Isaias 43: 1 a 13.

“Nesta passagem, o Senhor anuncia: ‘Eu vou te livrar das situações difíceis! Eu vou te livrar das situações que te deixam impotente! Eu vou te livrar das situações que, com certeza, você não teria condições de vencê-las!’. Ele disse que, quando passarmos pelo fogo, Ele nos livrará. Não tem como passar pelo fogo sem ser destruído. Mas Deus está se referindo a um nível de livramento que é espiritual”, explicou.

O líder da igreja Renascer em Cristo ressaltou a importância de uma postura firme e incorruptível em meio às situações de crise. “As nossas reações precisam ser condizentes com aquilo que acreditamos. Muitas vezes, nos cultos, nós levantamos nossas mãos e gritamos: ‘Eu creio!’, mas, na prática, o nosso comportamento é totalmente desassociado do discurso. Entenda, de uma vez por todas, que sua vida está debaixo do controle de um Deus de amor. Independente das adversidades, o Senhor tem grandes livramentos para nós. Creia, porque o melhor ainda está por vir”, afirmou.

Na sequência, o palestrante citou dois grandes livramentos que o Senhor tem para nós. Veja a seguir:

1º) Deus vai te livrar das tuas tempestades e dos teus fantasmas (Mateus 14: 26 a 33)


O Apóstolo usou como exemplo o episódio em que os discípulos enfrentaram uma grande tempestade, que só foi acalmada com a presença de Jesus Cristo. Quando Ele estava se aproximando da embarcação, ninguém conseguiu identificá-lo, pois achavam que se tratava de um fantasma.

O líder da Renascer fez um comparativo entre esta situação desesperadora e as situações inesperadas e desastrosas que afetam nossa vida profissional. “Eles estavam no meio de uma tempestade, assim como muitos estão passando por tempestades profissionais. Eles eram pescadores experientes, mas a barra pesou. Realmente, há momentos em que a barra pesa. Isso ocorre quando estamos desempregados, quando não temos perspectivas de crescimento, quando as contas do mês não fecham... A tempestade por si só já é assustadora e traz aquele sentimento de desproteção”, afirmou.

“Em momento assim, nós começamos a produzir fantasmas e a enxergar o que não existe. Ao ver estes fantasmas, começamos a materializar os nossos medos. E estes medos se levantam contra nós e nos tornam uma pessoa pessimista”, conscientizou.

“Pedro era um homem forte, Jesus veio em sua direção para socorrê-lo. O que Pedro viu? Um fantasma. Aqueles discípulos foram dominados pelo medo, porque não conheciam o poder dos livramentos. Mas Jesus andou sobre as águas, e a ventania cessou. É desta forma que vai acontecer na sua vida. Você vai sair desta situação ileso e testemunhando um grande milagre”, disse.

2º) Você pode sofrer a picada da víbora, mas continuará caminhando (Atos 28: 3 a 5)


O Apóstolo também relatou o momento em que Paulo foi picado por uma cobra, na ilha de Malta, quando estava a caminho de Roma. Surpreendendo a todos, ele sobreviveu ao ataque e não sofreu nenhum efeito colateral. O líder da igreja Renascer destacou que a principal marca de Paulo, neste episódio, foi a perseverança.

“A perseverança é uma das chaves para o sucesso profissional. Todos nós recebemos doses de situações que poderiam nos enfraquecer e nos desanimar, mas precisamos entender que desfalecer é uma escolha. Ao receber a picada, em vez de ficar desesperado e se preocupando com os comentários maldosos, Paulo sacudiu o braço. Dentro dele, havia um antidoto que existe dentro de nós: a convicção naquilo que acreditamos”, disse.

“Todo mundo achou que Paulo iria morrer, mas a situação se reverteu, eles enxergaram Paulo de uma forma diferente. A tua força interior vai mudar o parecer das pessoas ao teu respeito.
Transforme o desanimo em energia para o amanhã. A tua caminhada não vai terminar nesta luta. O antidoto para este desânimo é o Espírito Santo. O livramento já está dentro de você”, conscientizou.

Para finalizar, Apóstolo Estevam afirmou que Deus tem dons, capacitações e unção para ultrapassarmos todos os desafios e crises.


“Estes dons são a essência de Jesus Cristo em nós, são capacitações que recebemos no espírito. Por causa das dificuldades que passamos, nós não conseguimos identificá-los. O motivo é que sempre procuramos uma saída humana. Em Jesus, está a solução de todos os nossos problemas. De Deus, vem a luz, a sabedoria e a inteligência que precisamos para lidar com qualquer situação”, afirmou.

“Depois de receber os dons de Deus, temos autoridade para vencer as crises.  Autoridade é diferente de tentativa. Autoridade é convicção. Encare os problemas de frente, porque o Senhor vai te capacitar!”, concluiu.

Dê um upgrade na sua carreira

Todas as segundas-feiras, a partir das 20 horas, a Igreja Renascer realiza a "Segunda da Prosperidade".

O culto é direcionado para empresários, profissionais liberais e para pessoas que precisam de restauração e um direcionamento na área profissional.

No Renascer Hall, sede internacional da Renascer em Cristo, em São Paulo, as palestras são ministradas pelo Apóstolo Estevam Hernandes.

Serviço:
"Segunda da Prosperidade"
Horário: 20 horas
Local: Todas as Igrejas Renascer em Cristo
Endereço da sede internacional: Rua Dr. Almeida Lima, 1.290 – Mooca

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Andando em novidade de vida!


Filipenses 3.13 e 14: “Irmãos, quanto a mim, não julgo havê-lo alcançado; mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão, prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.”

Não podemos permitir que o nosso passado interfira no nosso presente! Quem se alimenta do passado não tem futuro!

Quem carrega traumas, mágoas e frustrações perece no meio do caminho!

Andar em novidade de vida é vencer o medo e plantar boas sementes que vão nos garantir excelentes colheitas. Abraão prosperou e viveu as promessas do Senhor quando entendeu este princípio. De um homem comum, ele se tornou o pai da fé e o pai de nações.

Gênesis 12.1 e 2: “Ora, disse o SENHOR a Abrão: Sai da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai e vai para a terra que te mostrarei; de ti farei uma grande nação, e te abençoarei, e te engrandecerei o nome. Sê tu uma bênção!”

Para vivermos o que Abraão viveu, é necessário:

1- Ter um pensamento vencedor

Lamentações 3.21 a 24: “Quero trazer à memória o que me pode dar esperança. As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade. A minha porção é o SENHOR, diz a minha alma; portanto, esperarei nele.”

Temos que reciclar nossa mente fazer com que nosso consciente anule o que nos leva a agir erroneamente.

2- Abandone o mal onde ele deve ficar.

Mateus 6.34: “Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal.”

Muitas pessoas fracassam porque insistem em potencializar o que têm de pior. Em vez de buscarem um caminho de libertação, preferem viver em suas prisões emocionais, porque elas acabam se tornando o seu local de conforto.

3- Caminhe em terra firma na direção que Deus tem para a sua vida!

Jeremias 29.11: “Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais.”


O Senhor tem para você propósitos e planos superiores! Supere seus limites e siga em frente, porque o melhor ainda está por vir! 

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Conselho do Apóstolo: Minha esposa me deixou e assumiu um novo relacionamento!



Todos os dias, Apóstolo Estevam Hernandes leva uma palavra esclarecedora aos ouvintes e telespectadores durante o “Renascer”, seu programa matinal na Rede Gospel de TV e de Rádio.

Confira, a seguir, os conselhos que ele deixou para o Rubens Fonseca, que está enfrentando a dor da perda e da separação:

Dúvida: Estou enfrentando um sério problema familiar. Minha esposa saiu de casa e me deixou com nossos três filhos. Ela assumiu um novo relacionamento. Estou desesperado. Quero minha família de volta. Tenho orado e jejuado para ela orar. Manter minha sanidade mental está muito difícil. Por isso, busquei ajuda psiquiátrica. Estou à base de remédios tarja preta. O que eu faço para lidar com tudo isso?

Resposta: O meu primeiro conselho é para que você deixe de tomar esses remédios. Você é uma pessoa normal. Não há nada de errado com você! Você está passando por um trauma, por uma grande e dolorosa luta.

Sabe, querido, a pior coisa que pode acontecer quando enfrentamos uma guerra, é desfalecermos e entregarmos os pontos.

Ao tomar estes remédios, você perderá o seu poder de luta e poderá cair em uma grande armadilha: a dependência química.

O meu segundo conselho é: não se perca no meio desta loucura! Não enterre sua vida nesta situação. Seus filhos precisam de você!

Quando José estava prestes a enfrentar um grande desafio, Deus disse a ele: “Sê forte e corajoso! Não se apavore e nem se desespere!”.

O meu terceiro conselho é exatamente esse: seja forte e corajoso! É difícil, eu sei! Mas não é impossível!

O meu quarto conselho é: enfrente esta guerra espiritualmente! Ore, jejue! Faça da fé e da esperança naquele que é fiel e justo para cumprir Suas promessas a sua base de sustentação. Lute pelo seu casamento!

O meu quinto conselho: é não permita que o inimigo leve mais do que ele já levou. Porque a nossa tendência é, diante de uma guerra dessas, abandonarmos outras áreas de nossas vidas. O inimigo quer que você perca a alegria de viver, ele quer que você enterre seus sonhos, que você abandone seu trabalho, seu ministério e o seu relacionamento com Deus!

Permaneça fiel! Coloque sua vida em movimento, porque maior é aquele que está em você!

Clique aqui e confira a orientação do Apóstolo Estevam na íntegra!