sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

Deus não mudou!


Hebreus 6.13 a 20: “Pois, quando Deus fez a promessa a Abraão, visto que não tinha ninguém superior por quem jurar, jurou por si mesmo, dizendo: Certamente, te abençoarei e te multiplicarei. E assim, depois de esperar com paciência, obteve Abraão a promessa. Pois os homens juram pelo que lhes é superior, e o juramento, servindo de garantia, para eles, é o fim de toda contenda.

Por isso, Deus, quando quis mostrar mais firmemente aos herdeiros da promessa a imutabilidade do seu propósito, se interpôs com juramento, para que, mediante duas coisas imutáveis, nas quais é impossível que Deus minta, forte alento tenhamos nós que já corremos para o refúgio, a fim de lançar mão da esperança proposta; a qual temos por âncora da alma, segura e firme e que penetra além do véu, onde Jesus, como precursor, entrou por nós, tendo-se tornado sumo sacerdote para sempre, segundo a ordem de Melquisedeque.”

Um dos maiores erros que podemos cometer é nos compararmos ao Senhor, ou seja, quando achamos que Ele terá as mesmas reações que qualquer ser humano teria!

Os homens, querido internauta, mudam. Hoje, eles amam. Amanhã, odeiam. Hoje, eles prometem. Amanhã, eles se esquecem... Hoje, querem pagar um preço pelo casamento. No dia seguinte, agem como se fossem solteiros...

Mas Deus não muda! Nele, não há sombra de variação. Ele jurou por Si mesmo que iria cumprir Suas promessas!

Os homens mentem! Mas Deus, não! Jesus Cristo é o Pai das Luzes! Quem anda na luz, nunca será enganado!

Quando a tempestade vier, quando tudo parece estar perdido, lembre-se destas três palavras: “Deus não muda!” . 

Os planos d’Ele para a sua vida são superiores e soberanos! 
Malaquias 3.6: “Porque eu, o SENHOR, não mudo; por isso, vós, ó filhos de Jacó, não sois consumidos.” 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.