terça-feira, 26 de setembro de 2017

Livre de julgamentos!


Mateus 7.1 a 12: “Não julgueis, para que não sejais julgados. Pois, com o critério com que julgardes, sereis julgados; e, com a medida com que tiverdes medido, vos medirão também.  

Por que vês tu o argueiro no olho de teu irmão, porém não reparas na trave que está no teu próprio? Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, quando tens a trave no teu?

Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu olho e, então, verás claramente para tirar o argueiro do olho de teu irmão. 

Não deis aos cães o que é santo, nem lanceis ante os porcos as vossas pérolas, para que não as pisem com os pés e, voltando-se, vos dilacerem. Pedi, e dar-se-vos-á; buscai e achareis; batei, e abrir-se-vos-á. Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra; e, a quem bate, abrir-se-lhe-á.

Ou qual dentre vós é o homem que, se porventura o filho lhe pedir pão, lhe dará pedra? Ou, se lhe pedir um peixe, lhe dará uma cobra?

Ora, se vós, que sois maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais vosso Pai, que está nos céus, dará boas coisas aos que lhe pedirem? Tudo quanto, pois, quereis que os homens vos façam, assim fazei-o vós também a eles; porque esta é a Lei e os Profetas.”

Estamos vivendo tempos difíceis. E, pela falta de conhecimento da Palavra de Deus, as pessoas, muitas vezes, se tornam instrumentos na mão do inimigo.

Nesta passagem, o Senhor Jesus nos deixa alguns conselhos preciosos e nos alerta:

1- Não jugueis, para que não sejais julgados

Como uma pessoa que se diz serva de Deus pode passar o dia todo julgando as pessoas? Pois é! É uma terrível realidade, principalmente nas redes sociais. Essas pessoas agem de forma cruel e precipitadamente!

O autojulgamento também é algo destrutivo.

O único juiz justo é o Todo-Poderoso. Só Ele sabe o nosso deitar e o nosso levantar. Ele conhece todos os nossos pensamentos, anseios, e, antes que a palavra chegue aos nossos lábios, Ele já a conhece.

2- Não deis aos cães o que é santo, nem lanceis ante os porcos as vossas pérolas, para que não as pisem com os pés e, voltando-se, vos dilacerem

Esta sua necessidade de ficar se justificando para os outros não tem fundamento. Parece que você depende mais homens do que de Deus!

Infelizmente, muitas pessoas não conseguem entender que estão ao lado de Cristo, acima de potestades, principados e dominadores.

Quando Jesus afirma: “...nem lanceis ante os porcos as vossas pérolas, para que não as pisem com os pés e, voltando-se, vos dilacerem.”, Ele quer dizer que não devemos alimentar o nosso inimigo, não podemos deixá-lo forte!

Guarde seu coração, não se precipite e seja guiado por Deus!

3- Pedi, e dar-se-vos-á; buscai e achareis; batei, e abrir-se-vos-á

Deus nos criou e nos ama profundamente, ele dará coisas melhores e superiores, segundo Sua vontade. Confie!

Quando temos consciência de que somos filhos de Deus, não vivemos à mercê de julgamentos humanos. Nós vivemos por Ele e para Ele!

Ser filho de Deus é se sujeitar a Ele, sabendo que Sua vontade é boa, perfeita e agradável! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.