segunda-feira, 7 de setembro de 2020

Vitórias sobre os gafanhotos migrador, cortador e destruidor

Joel 2.23 a 27: “Alegrai-vos, pois, filhos de Sião, regozijai-vos no Senhor, vosso Deus, porque ele vos dará em justa medida a chuva; fará descer, como outrora, a chuva temporã e a serôdia. As eiras se encherão de trigo, e os lagares transbordarão de vinho e de óleo. Restituir-vos-ei os anos que foram consumidos pelo gafanhoto migrador, pelo destruidor e pelo cortador, o meu grande exército que enviei contra vós outros.

Comereis abundantemente, e vos fartareis, e louvareis o nome do Senhor, vosso Deus, que se houve maravilhosamente convosco; e o meu povo jamais será envergonhado. Sabereis que estou no meio de Israel e que eu sou o Senhor, vosso Deus, e não há outro; e o meu povo jamais será envergonhado.”

O mundo material também está sujeito ao mundo espiritual.

A Bíblia, nesta passagem, nos mostra a ação de três gafanhotos que representam, figurativamente, três forças do mal que nos impedem de construir uma jornada bem-sucedida.

Acompanhe abaixo:

1- Migrador

É o que nos afasta de nossos objetivos, drenando nossas forças.

Sintomas da ação dele:

- Roubos constantes;

- Acúmulo de tarefas inacabadas;

- Um nível baixo de satisfação pessoal.

2- Cortador

Aquele que traz confusão e a dissolução de relacionamentos, para nos isolar.

Sintomas da ação dele:

- Dificuldades de desenvolver amizades;

- Não conseguir estabelecer vínculos com o trabalho;

- Viver disperso;

- Quando vivemos nos sentindo injustiçados.

3- Destruidor

É aquele que destrói a plantação antes da colheita, ou seja, tudo o que construímos.

Sintomas da ação dele:

- Vida financeira sempre enrolada;

- Frustração;

- Sensação de fracasso.

Mas, em Deus, temos tudo o que precisamos para vencê-los e uma poderosa restituição de tudo o que foi roubado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.